Os cães podem comer ovos?

Publicado por
minutos de tempo de leitura

Encontre alimentos que atendam às necessidades do seu animal de estimação

Encontre alimentos que atendam às necessidades do seu animal de estimação

Encontre alimentos que atendam às necessidades do seu animal de estimação

Os ovos são uma ótima fonte de proteína. Podem ser deliciosos quando cozidos, estrelados ou mexidos ao pequeno almoço; são ingredientes essenciais para muitas das melhores sobremesas; e, por vezes, surpreendentemente saborosos em hambúrgueres. No entanto, ovos crus ou mal cozidos podem expor os humanos a bactérias perigosas, tais como a Salmonella. Será que o mesmo se aplica aos nossos melhores amigos?

Se é apaixonado por ovos, faz todo o sentido que os queira partilhar com o seu cão. Mas será que os cães podem comer ovos? Vamos descobrir se os ovos são ou não alimentos seguros para o seu cão e descubra também precauções de segurança a ter com este famoso alimento.

Os cães podem comer ovos?

Quer acredite quer não, os cães podem comer ovos! Os ovos são ricos em proteína e contêm muitos ácidos gordos e aminoácidos essenciais. Isto faz deles um alimento saboroso — e saudável — quando cozinhado ou cozido. Os ovos também podem ser uma importante fonte de proteína em alguns alimentos comerciais para cão.

Como qualquer alimento, é importante que tenha moderação ao alimentar o seu cão com ovos cozinhados em casa. Mesmo sendo um alimento incrivelmente saudável, é possível que caso o seu cão coma demasiados ovos ou, em conjunto com uma alimentação em excesso, acabe por desenvolver obesidade. Antes de adicionar ovos ao plano alimentar do seu cão, pergunte ao seu veterinário como podem ser introduzidos em segurança na alimentação do seu cão.

Os cães podem comer ovos crus?

Embora ovos cozinhados possam ser um alimento nutritivo para o seu cão, ovos crus são perigosos. Tal como para os humanos, os ovos crus podem expor os cães a bactérias perigosas, como a Salmonella, que pode propagar-se para os tutores dos animais de companhia (especialmente aqueles com um sistema imunitário comprometido). Para além de bactérias, os ovos crus representam outra ameaça para a saúde do seu cão: a deficiência de biotina.

Golden retriever levanta-se para inspecionar o balcão da cozinha com utensílios para cozinhar e ovos em cima.

De acordo com o Animal Fiel, "[os ovos crus] contêm uma enzima que prende a biotina e impede a sua absorção pelo corpo". Uma vez que a biotina é uma vitamina responsável por apoiar funções corporais indispensáveis (incluindo a digestão, saúde da pele e metabolismo), a sua deficiência coloca o seu cão em risco de graves complicações de saúde.

Se o seu cão consumiu ovos crus acidentalmente, é importante não entrar em pânico. Embora as complicações mencionadas acima sejam assustadoras, estas são raras. Se o seu cão consumiu ovos crus pela primeira vez e o seu sistema digestivo não está habituado, podem experienciar alguns sinais clínicos como: diarreia ou vómitos durante um dia ou dois após o consumo. Se observar estes sinais, certifique-se de contactar o seu veterinário.

É importante que preste atenção à saúde do seu cão na semana seguinte após ter ingerido ovos crus. Se notar que o seu cão exibe sinais mais graves, complicações prolongadas como letargia ou sinais digestivos, contacte o seu veterinário imediatamente. Podem ser sinais de que o seu cão contraiu uma infeção bacteriana no trato gastrointestinal.

Como preparar os ovos para o seu cão?

Quando preparar ovos para o seu cão, pense em simplicidade e segurança. Os cães podem comer ovos mexidos, mas ovos cozidos inteiros podem causar asfixia. Quando alimentar o seu cão com um ovo cozido, certifique-se que corta o ovo em pedaços pequenos para facilitar a ingestão e a mastigação.

Ao contrário do seu pequeno-almoço, os ovos para o seu cão devem ser preparados sem nenhum dos ingredientes adicionais que usamos normalmente para melhorar o seu sabor, tais como: óleo, sal e manteiga. O consumo elevado de sal pode agravar as doenças cardíacas em cães. Entretanto, gorduras como óleo e manteiga podem contribuir para o aumento de peso, o que coloca o seu cão em risco de desenvolver problemas de saúde relacionados com a obesidade, tais como: diabetes e osteoartrite.

Também é importante ter em conta que deve sempre deixar os ovos esfriarem antes de os dar ao seu cão. A maioria dos cães não pensa no quão quente os alimentos podem estar antes de os devorar, podendo queimar a boca assim que acabam de ser cozinhados. Lembre-se sempre de pensar nas calorias como parte do plano de alimentação diário do seu cão. Se introduzir ovos ao seu plano alimentar, certifique-se de que esta "guloseima extra" não representa mais de 10% da sua ingestão calórica diária sem a devida autorização do seu veterinário. Embora os ovos sejam nutritivos para o seu cão, este ainda necessita de outros nutrientes para ser feliz e saudável, por isso, alimentos premium para cães devidamente equilibrados são sempre recomendáveis.

Quando cozinhados devidamente e servidos em moderação, os ovos são uma excelente adição ao plano alimentar do seu cão. Ao manter as suas receitas simples e assegurando que os ovos são cortados em pequenos pedaços, poderá introduzir ao seu cão um novo e saudável alimento que vai adorar para o resto da sua vida.

Biografia da autora

Erin Ollila

Erin Ollila

Erin Ollila é uma entusiasta de animais de companhia que acredita no poder das palavras e como uma mensagem pode informar, e até mesmo transformar, o seu público-alvo. A sua escrita pode ser encontrada na Internet e nas livrarias e inclui entrevistas, escrita-fantasma, publicações em blogues e jornalismo literário. Erin é uma especialista em SEO e em tudo o que diz respeito a redes sociais. Graduou-se na Universidade de Fairfield com um M.F.A em Escrita Criativa. Siga-a no Instagram @ErinOllila ou obtenha mais informações em http://erinollila.com.

 

Revisto pelo Dr. Hein Meyer, DVM, PhD, Dipl-ECVIM-CA e Brana Bonder, B.S, M.S

Artigos relacionados

  • Alimentos de natal que deve evitar dar ao seu cão

    O Natal é um momento para compartilhar com o seu melhor amigo, porém é fundamental saber com o que é que podemos recompensá-lo. Existe muitos alimentos que podem fazer mal ao seu cão e como sabemos que não o quer ver a vomitar durante a noite de natal (ou outro momento) vamos mostrar quais os alimentos que deve evitar compartilhar com ele. Porém, isto não significa que a diversão tenha terminado! Pode sempre ler algumas receitas caseiras para premiar o seu melhor amigo.
  • Água

    A água é o nutriente mais importante e essencial à vida.
  • Em que momento o meu cachorro se torna num cão adulto?

    O seu cachorro está a tornar-se adulto? Pode ser difícil de saber.
  • As necessidades nutricionais de um cão, desde cachorro a cão sénior

    Quando adotou o seu primeiro cão, dedicou tempo a pesquisar e a falar com o veterinário sobre as suas necessidades nutricionais antes de escolher a sua alimentação.

Produtos relacionados