Alimentos sem cereais para cães: são indicados para o seu cão?

Publicado por
minutos de leitura

Hoje em dia, as prateleiras dos supermercados estão cheias de alimentos "sem" um ingrediente ou outro. Dos alimentos sem açúcar aos alimentos sem lactose ou sem glúten, os consumidores optam por estes alimentos especiais por terem a perceção de manterem assim, uma nutrição mais "saudável" ou mais "natural"... tanto para si como para os seus animais de companhia.

O interesse por alimentos mais saudáveis chegou à prateleira da alimentação para animais, o que faz todo o sentido. Afinal, o seu cão faz parte da família e merece ser tão saudável como os outros. Entre as tendências mais recentes nos alimentos para animais de companhia estão os alimentos sem cereais. Contudo, ao contrário do que todos pensam, as alergias e intolerâncias aos cereais são raras nos nossos amigos de quatro patas.

Os cães devem comer cereais? A verdade é que os cereais têm o propósito de fornecer nutrientes importantes e necessários aos alimentos para animais.

Ou seja, os alimentos sem cereais para cães não são necessariamente melhores para o seu cachorro. Estes são alguns dos cereais mais comuns nos alimentos para cães e os motivos para os manter na dieta do seu companheiro.

Cereais comuns nos alimentos para cães

Ao observar a lista de ingredientes do alimento do seu cão, verá cereais como:

  • Cevada
  • Milho
  • Aveia
  • Arroz
  • Trigo
  • Centeio 
  • Sorgo

Já deve conhecer a maioria destes cereais, pois muitos são também usados na nossa alimentação. Alguns deles, como a cevada, foram descritos como sendo "superalimentos". A cevada é rica em fibras, solúveis e insolúveis. A aveia é conhecida pelos benefícios para a saúde cardíaca dos humanos, quando inserida numa dieta e estilo de vida saudáveis.

Será que estes ingredientes oferecem os mesmos benefícios aos cães? Os cães devem comer cereais?

Husky with blue eyes and blue collar staring up at owner.

Os cereais integrais, como o milho, oferecem nutrientes importantes aos cães, incluindo energia, proteínas, vitamina E e ácido linoleico. Estes nutrientes são essenciais para a saúde geral dos cães. É importante não se esquecer de escolher um alimento que ofereça ao seu cão uma nutrição completa e equilibrada. Esse alimento pode, ou não, conter cereais.

Sem cereais não significa sem hidratos de carbono

É habitual os veterinários encontrarem tutores de animais de companhia que confundem os termos alimentos sem cereais com baixo teor de hidratos de carbono. Os alimentos sem cereais ou com baixo teor de hidratos de carbono não são equivalentes. Para substituir os cereais, os alimentos sem cereais para animais de companhia costumam utilizar batata, batata doce, lentilhas, quinoa e ervilhas. Na realidade, alguns alimentos sem cereais contêm níveis de hidratos de carbono semelhantes ou mesmo superiores aos dos alimentos com cereais.

Alergias e cereais

A Veterinary Practice News entrevistou quatro nutricionistas veterinários certificados para um trabalho sobre alergias e a influência dos cereais. Estes nutricionistas referiram que o milho, o trigo e a soja raramente provocam alergias alimentares.

"Sinceramente, não sei de onde veio essa ideia. Não se baseia em dados científicos, pois tratam-se de alimentos excelentes que contêm um ou mais destes elementos", referiu Cailin Heinze, MS, VMD e diplomata do American College of Veterinary Nutrition.

Numa perspetiva clínica, os alergéneos alimentares mais comuns são a carne de vaca e os lacticínios, sendo que apenas 10% de todos os casos de alergias em animais de companhia são causados pelos alimentos. Na verdade, a maioria dos animais apresenta reações alérgicas ao ambiente que o rodeia (pólen, relva, árvores, bolores e pulgas) e não aos alimentos. Se suspeitar que o seu cão sofre de uma reação alérgica - seja ela ambiental, alimentar ou ambas - fale com o seu veterinário sobre os sinais do seu companheiro. Depois, mediante tratamento médico, poderá determinar se existe ou não uma alergia alimentar e a que ingrediente o seu cão está a reagir de forma negativa, através da realização de alguns testes alimentares.

O alimento sem cereais indicado para o seu cão

Nos casos raros em que um cão tem, de facto, uma sensibilidade aos cereais, deverá primeiro falar com o veterinário e este poderá recomendar um alimento especial ou um alimento para cães de elevada qualidade e sem cereais que, ainda assim, apresente um conteúdo nutricional equilibrado.  Mais uma vez, o veterinário é uma excelente forma de obter recomendações alimentares.

Como saber se o alimento que está a dar ao seu animal de companhia é de elevada qualidade?

Tal como as pessoas, os cães têm as suas próprias necessidades nutricionais. Ao escolher o alimento certo para o seu amigo de quatro patas, não se esqueça de conversar com o seu veterinário e pesquisar antes de escolher, para que possa encontrar o equilíbrio certo e satisfazer as necessidades do seu cachorro.

REFERÊNCIAS:

1Eckstein, S. (n.d.). Caring for a Dog with Food Allergies. Retrieved August 1, 2019, from https://pets.webmd.com/dogs/guide/caring-for-a-dog-that-has-food-allergies#1

Contributor Bio

Kara Murphy Contributor Bio Image

Kara Murphy

 

Kara Murphy é uma escritora independente de Erie, Pa. Tem uma pequena Goldendoodle chamada Maddie.

 

ARTIGOS RELACIONADOS

  • Alimentos de natal que deve evitar dar ao seu cão

    O Natal é um momento para compartilhar com o seu melhor amigo, porém é fundamental saber com o que é que podemos recompensá-lo. Existe muitos alimentos que podem fazer mal ao seu cão e como sabemos que não o quer ver a vomitar durante a noite de natal (ou outro momento) vamos mostrar quais os alimentos que deve evitar compartilhar com ele. Porém, isto não significa que a diversão tenha terminado! Pode sempre ler algumas receitas caseiras para premiar o seu melhor amigo.
  • Água

    A água é o nutriente mais importante e essencial à vida.
  • Em que momento o meu cachorro se torna num cão adulto?

    O seu cachorro está a tornar-se adulto? Pode ser difícil saber.d.
  • Requisitos nutricionais dos cães em função da sua idade

    Quando adotou o seu primeiro cão, dedicou tempo a pesquisar e a falar com o veterinário sobre as suas necessidades nutricionais antes de escolher a sua alimentação.

PRODUTOS RELACIONADOS