Os cães podem comer peru?

Publicado por Jean Marie Bauhaus
minutos de leitura

Pode ser tentador partilhar uma suculenta fatia de peru com o seu cachorro louco por carne, especialmente no natal. Mas poderão os cães comer peru em segurança? Continue a ler para saber porque não é normalmente recomendável partilhar carne de peru e porque cães e ossos de peru são uma combinação perigosa.

Os cães podem comer carne de peru?

A happy dog holding a soft toyPoderá não ter reparado, mas o peru é um ingrediente comum dos biscoitos e alimentos para cão. Carne de peru sem pele, sem temperos e que tenha sido devidamente cozinhada é, na verdade, excelente para ser consumida em pequenas quantidades por cães. A carne de peru picada, desde que seja simples e não tenha aditivos, também é perfeitamente saudável para cães.

O problema em alimentar os cães com peru não é propriamente a carne. Segundo o American Kennel Club, estas são as razões pelas quais não deve partilhar peru com o seu cão:

  • A gordura da pele do peru pode provocar pancreatite, uma doença que faz com que o pâncreas fique inflamado e inchado. Para além de provocar desconforto e dores ao seu cão, também pode provocar graves complicações de saúde.
  • O tempero adicionado ao peru cozinhado pode irritar os intestinos do seu cão e provocar problemas digestivos, como vómitos e diarreia.
  • O peru é normalmente temperado com alho e cebola, sendo ambos tóxicos para os cães.
  • Carnes frias, cachorros quentes de peru e outros tipos de carne de peru processada contêm quantidades elevadas de sal e conservantes que podem ser nocivos para a saúde e perturbar o estômago do seu cão. Dê ao seu cão carne processada apenas ocasionalmente e em quantidades muito pequenas; pode, por exemplo, utilizar um bocado pequeno de cachorro quente de peru para disfarçar um comprimido. É pouco saudável, e até perigoso, alimentar regularmente o seu cão com qualquer tipo de carne fria, segundo Top Dog Tips.

Ossos de peru: serão prejudiciais para os cães?

Apesar de não haver dúvidas de que os cães gostam de mastigar e comer ossos, isso pode ser prejudicial para eles, segundo o AKC. Pequenos ossos de aves, incluindo ossos de peru e de galinha, são especialmente perigosos. Roer ossos pode provocar:

  • Ferimentos na boca e na garganta
  • Asfixia ou obstrução da garganta
  • Bloqueio intestinal
  • Perfuração do estômago ou da mucosa intestinal
  • Obstipação ou movimentos intestinais dolorosos
  • Hemorragia retal

Algumas destas lesões, como o bloqueio intestinal, poderão necessitar de cirurgia de emergência para serem resolvidas.

O meu cão já comeu um osso de peru: o que devo fazer?

Apesar de todos os esforços para o evitar, é possível que, a dada altura, o seu cão consiga chegar à proibida carne ou a um osso de peru, engolindo-o antes que o consiga parar. Se isso acontecer, é importante não entrar em pânico. Não tente tirar a comida ao seu cachorro, especialmente se ele tiver tendência para um comportamento agressivo em relação à comida. Se suspeitar que o seu cão comeu um osso, contacte o seu veterinário para ser aconselhado, sugere o AKC. Ele pode dizer-lhe como reduzir o risco de lesão no seu cão.

Tenha atenção ao seu animal de companhia. Contacte imediatamente o seu veterinário se o seu cão tiver dificuldades ou dores quando tentar defecar alguns dias depois de ingerir um osso, dado que podem existir fragmentos a provocar irritação (retal). Outros sinais de que deve procurar a ajuda do veterinário são:

  • Letargia
  • Perda de apetite
  • Vómitos
  • Obstipação ou tenesmo
  • Fezes com sangue
  • Abdómen aumentado ou dilatado
  • Agitação ou dificuldade em estar confortável

Se pretende que o seu cão desfrute o sabor do peru em segurança, sem o risco de ossos ou aditivos pouco saudáveis, dê ao seu cachorro um biscoito feito com peru. Ele vai ficar contente e você ficará tranquilo por saber que a saúde dele não está em perigo.

Jean Marie Bauhaus

ARTIGOS RELACIONADOS

  • Alimentos de natal que deve evitar dar ao seu cão

    O Natal é um momento para compartilhar com o seu melhor amigo, porém é fundamental saber com o que é que podemos recompensá-lo. Existe muitos alimentos que podem fazer mal ao seu cão e como sabemos que não o quer ver a vomitar durante a noite de natal (ou outro momento) vamos mostrar quais os alimentos que deve evitar compartilhar com ele. Porém, isto não significa que a diversão tenha terminado! Pode sempre ler algumas receitas caseiras para premiar o seu melhor amigo.
  • Água

    A água é o nutriente mais importante e essencial à vida.
  • Em que momento o meu cachorro se torna num cão adulto?

    O seu cachorro está a tornar-se adulto? Pode ser difícil de saber.
  • Requisitos nutricionais dos cães em função da sua idade

    Quando adotou o seu primeiro cão, dedicou tempo a pesquisar e a falar com o veterinário sobre as suas necessidades nutricionais antes de escolher a sua alimentação.