Saiba como remover a sujidade e odores do seu gato de forma eficaz

Publicado por
minutos de leitura

Os gatos dão-nos muitas alegrias, mas a sujidade e odores associados a ter um gato em casa podem ser motivo de frustração. Felizmente, é fácil fazer um produto caseiro para remover a sujidade causada pelos animais de companhia a partir de ingredientes simples, mantendo a sua casa limpa e fresca. Os tira-nódoas caseiros são seguros para utilizar perto dos seus animais de companhia (e costumam ser mais baratos do que os disponíveis nas lojas). Desde manchas de urina até bolas de pelo e vomitado, os produtos caseiros permitem remover a sujidade e os odores persistentes.

Antes de começar a limpar lembre-se de efetuar um teste numa zona limitada, de modo a evitar danos ou descoloração.

Home interior, cat sitting in an armchair, a wall and a bouquet of white tulipsProduto para limpeza de vómitos e bolas de pelo

Ingredientes: bicarbonato de sódio, vinagre, água, frasco pulverizador, três panos velhos

Instruções:

  1. Limpe o vómito ou bola de pelo do chão ou da carpete com um pano húmido.
  2. Se o gato tiver vomitado na carpete, após limpar com um pano húmido, espalhe bicarbonato de sódio sobre a mancha e deixe atuar durante uma hora, de modo a absorver a humidade. Se a mancha estiver no chão, avance para o passo 3.
  3. Misture vinagre e água quente numa taça grande (cerca de 1 chávena de água para 1 chávena de vinagre). Coloque a mistura num frasco pulverizador.
  4. Pulverize a mancha com a sua mistura de vinagre e água. Irá obervar que faz efervescência. Quando a efervescência diminuir, retire a maior quantidade possível do bicarbonato de sódio com um pano.
  5. Continue a pulverizar ligeiramente a mancha e a absorver com um pano limpo. Repita até que a mancha desapareça. Tenha cuidado para não saturar demasiado a área.

Eliminar urina de gato

Ingredientes: vinagre, bicarbonato de sódio, água oxigenada, detergente da loiça, produto de limpeza enzimático, panos velhos, toalha velha

Instruções:

  1. Use uma toalha velha para absorver o melhor possível a urina de gato; quando terminar, deite-a fora.
  2. Espalhe bicarbonato de sódio sobre a zona afetada e deixe atuar durante cerca de dez minutos.
  3. Deite um pouco de vinagre sobre o bicarbonato de sódio e deixe fazer efervescência durante alguns segundos, antes de absorver o líquido com um pano limpo.
  4. Quando a zona parecer limpa, está na altura de eliminar o cheiro. Faça um produto caseiro de remoção de manchas e odores de animais de companhia, utilizando algumas colheres de sopa de água oxigenada e uma ou duas gotas de detergente da loiça. Deite a mistura na zona manchada (para não correr riscos, teste a mistura numa zona oculta da carpete, para garantir que não altera a cor).
  5. Esfregue a mistura de água oxigenada/detergente da loiça na carpete e friccione as fibras, mas absorva-a rapidamente para evitar a descoloração da carpete. No caso de pavimentos duros, poderá ser melhor colocar a mistura num frasco pulverizador, pulverizar a área e secá-la.
  6. Utilize uma ventoinha para ajudar a secar a área mais depressa. Embora a área possa parecer fresca e limpa, o ácido úrico da urina do gato voltará a cristalizar, pelo que o próximo passo é MUITO importante!
  7. Após cerca de 24 horas, coloque um produto de limpeza enzimático na mancha e deixe secar totalmente. Para evitar que os seus familiares pisem a área, tape-a com o cesto da roupa suja ou com papel de alumínio. Poderá demorar um dia ou dois a secar completamente.
  8. Quando a área estiver totalmente seca, limpe da forma habitual com uma esfregona ou aspirador, repetindo o tratamento enzimático uma vez por semana, se necessário.

Redução de manchas e odores de gato

Quando terminar a limpeza, incida uma lanterna ou lâmpada com luz negra na zona afetada. Para confirmar se ainda há urina de gato. Por vezes pode parecer que a urina desapareceu, mas esta poderá cristalizar e continuar presente nas fibras da carpete. A luz negra mostra o tamanho da mancha que não é visível ao olho humano nem detetada pelo nariz humano.

Finalmente, a Vetstreet sugere pedir ao seu veterinário que avalie o comportamento de urinar, para descartar a hipótese de estar a evitar a caixa de areia na sequência de problemas urinários ou outros problemas de saúde. Deverá marcar uma consulta no veterinário para avaliar a possibilidade de uma solução terapêutica com base na nutrição. Agora que já sabe como fazer o seu próprio tira-nódoas, poderá agir de forma rápida e cuidadosa para limpar a sujidade.

Contributor Bio

Chrissie Klinger

Chrissie Klinger

 

Chrissie Klinger é educadora, escritora e tem dois filhos, três cães e três gatos. Cultiva um estilo de vida ativo e ecológico.

 

ARTIGOS RELACIONADOS

PRODUTOS RELACIONADOS